Novas regras do visto de estudante australiano

July 8, 2016, Marcelo Borges da Cruz

AUS_flag-2.jpg


Novas Regras do Visto de Estudante Australiano

Se você está pensando em fazer um intercâmbio na Austrália, provavelmente deve ter ouvido falar que desde 01 de Julho de 2016, entraram em vigor novas regras para se obter um visto de estudante Australiano.

O departamento de Imigração Australiano criou um novo sistema chamado SSVF.

SSVF significa “Simplified Student Visa Framework”

As principais mudanças são:

Visto Único de Estudante (subclasse 500)

Agora existe um visto único de estudante (subclasse 500) para todos os estudantes, independente do tipo de curso escolhido.

Até então o visto de estudante australiano possuía 8 subclasses e agora foi reduzido para 2 subclasses, sendo:

  • Student Visa (subclasse 500) – Este é o visto de estudante;
  • Student Guardian Visa (subclasse 590) – Este é um visto para quem vem a Austrália e tem a guarda de um menor de 18 anos com o visto de estudante australiano.

Aplicação Online

Todas as aplicações agora serão feitas online. 

Novo Critério de Avaliação

A Imigração adotou um novo critério para avaliar a necessidade de comprovação de renda ou de nível de inglês para obtenção do visto;

  • Quanto menor o risco, menor comprovação será necessária;
  • O risco do País e a “nota” da escola será levado em consideração;

Nota da Escola

Quanto maior a nota da instituição de ensino, aos olhos da Imigração Australiana, menor serão as exigências na apresentação de documentos comprobatórios de renda e do nível de inglês.

É importante lembrar que esta avaliação é passada apenas para a própria escola e não é divulgada ao público. Segundo Thiago, CEO da Globalvisa:

“a imigração pede que a instituição de ensino não divulgue sua nota para que não seja utilizada como rota para estudantes não genuínos que buscam o caminho mais simples para seu visto mas depois não cumprem com suas obrigações no país, o que acabaria por reduzir a nota da instituição no semestre seguinte”.

E o que muda para o estudante Brasileiro?

Neste primeiro momento, os brasileiros estão sendo considerados como estudantes de baixo risco pela imigração australiana.

Precauções

Para Márcio Azevedo, diretor regional da Globalvisa no Rio de Janeiro, é recomendável ter bastante cautela com relação a esta novidade:

“É importante que todas as pessoas que solicitam um visto saibam que a boa notícia de hoje (01/Julho/2016), de que brasileiros que vão para a maioria das escolas no país não precisariam comprovar renda suficiente ou mesmo o nível de inglês no início do processo não retira o poder soberano do oficial de imigração que estiver avaliando a solicitação de visto de pedir estes documentos”.

O especialista, que já morou e trabalhou na Austrália afirma que:

“todo solicitante, em seu formulário oficial, declara que possui renda suficiente. Isto dá o direito do oficial consular que está tomando a decisão sobre o visto de pedir documentos que comprovem esta afirmação a qualquer momento do processamento do visto caso tenha desconfiança de que aquela informação não é genuína”

 

Se tiver alguma dúvida, deixe os seus comentários no final deste post.

Fontes:

– Migration Blog

– Global Visa

Clique no botão “quero estudar”
e faça orçamento personalizado.